" chegou a hora "

Ronaldo Caiado seria primeiro Governador filho de Anápolis

Exatamente 40 anos depois de sinalizar o seu desejo de ingressar na vida pública, em entrevista a este jornalista, publicada com exclusividade pela FOLHA DE GOYAZ, ( Foto : Arquivo Pessoal)

Ronaldo Caiado seria primeiro Governador filho de Anápolis

Mes de Vacinação - Prefeitura de Anápolis

Exatamente 40 anos depois de sinalizar o seu desejo de ingressar na vida pública, em entrevista a este jornalista, publicada com exclusividade pela FOLHA DE GOYAZ, Ronaldo Ramos Caiado lidera a pesquisa Serpes na corrida pelo Palácio das Esmeraldas e poderá ser o primeiro Governador do Estado de Goiás nascido em Anápolis.

A história registra que dois políticos anapolinos adotivos governaram Goiás: Jonas Ferreira Alves Duarte, natural de Cachoeira do Itapemirim-ES, foi governador interino (por breves períodos) entre 1952 e 1955 e Henrique Antônio Santillo, nascido em Ribeirão Preto-SP, elegeu-se em 1986 e cumpriu seu mandato de 1987 a 1991.

Para o ex-vereador e pecuarista José Caixeta, contemporâneo de Caiado, “chegou a hora de um anapolino nato governar Goiás”.

Filho de Edenval Ramos Caiado e Maria Xavier Caiado, Ronaldo Ramos Caiado nasceu em Anápolis, em 25 de setembro de 1949.

É casado com Maria das Graças Landim de Carvalho Caiado, com quem teve quatro filhos (Ronaldo, Maria, Marcela e Anna Vitória).

Criado na cidade natal, onde estudou em colégios franciscanos, formou-se na Escola de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro e especializou-se em cirurgia da coluna pelo Serviço de Cirurgia Ortopédica e Traumatológica do Professor Roy-Camille, em Paris, na França.

Com mestrado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, foi professor assistente do Departamento de Ortopedia e Traumatologia da mesma instituição.

Descendente de tradicional família de agropecuaristas e políticos, Ronaldo Caiado é neto de Antônio Totó Ramos Caiado que foi deputado federal e senador por Goiás entre 1910 e 1930.

Seu tio, Brasil Ramos Caiado, foi presidente do estado de 1925 a 1929 e senador entre este último ano e 1930.

Mário de Alencastro Caiado integrou a junta governativa que assumiu o poder em Goiás com a Revolução de 1930, tendo sido ainda constituinte em 1934 e senador de 1935 a 1937.

Vários de seus primos foram políticos:

Emival Ramos Caiado foi deputado federal de 1955 a 1971 e senador de 1971 a 1974;

Elcival Ramos Caiado foi deputado federal de 1975 a 1979;

Leonino Di Ramos Caiado foi governador de Goiás de 1971 a 1975;

Brasílio Ramos Caiado foi várias vezes deputado federal (1971-1975, 1979 e 1981-1987);

Ibsen de Castro foi deputado federal (1983-1987).

Criador da União Democrática Ruralista (UDR), tornou-se seu presidente.

Em 1989, candidatou-se a Presidente da República pelo Partido Social Democrático (PSD) e obteve cerca de 488.872 votos, colocando-se no décimo lugar.

Eleito em outubro de 1990 deputado federal por Goiás na legenda do PSD, foi o deputado mais votado no estado com 98.256 votos.

Em abril de 1993, Caiado filiou-se ao Partido da Frente Liberal (PFL). Ainda em 1993, mudou novamente de agremiação, ingressando no Partido Progressista Reformador (PPR), que resultou da fusão do PDC com o PDS.

De volta ao PFL, em agosto de 1994 candidatou-se ao governo de Goiás. No pleito, vencido pelo candidato Maguito Vilela, do PMDB, ficou em terceiro lugar. Deixou a Câmara dos Deputados em janeiro de 1995, ao término da legislatura.

Em outubro de 1998, concorreu novamente a uma vaga na Câmara dos Deputados na legenda do PFL, obtendo 100.446 votos, a segunda maior votação do estado.

Nas eleições de outubro de 2002, conseguiu reeleger-se pelo PFL para deputado federal por Goiás, obtendo 114.728 votos, sendo o quinto mais votado no Estado. Em 2006, concorrendo pelo PFL, foi eleito para seu quarto mandato como deputado federal por Goiás, com 152.895 votos, o segundo mais votado no Estado.

Para o pleito eleitoral de outubro de 2010 Ronaldo Caiado lançou-se mais uma vez candidato à Câmara dos Deputados e foi reeleito com 167.591 votos, tendo sido o terceiro candidato a deputado federal mais votado de Goiás.

Em fevereiro de 2011 tomou posse de seu quinto mandato no Congresso Federal, durante o qual mais uma vez atuou como líder do Democratas. Nas eleições gerais realizadas em outubro de 2014 candidatou-se ao Senado Federal, sendo eleito por Goiás por 1.283.665 eleitores, com o percentual de 47, 57% dos votos válidos no estado.

Tomou posse em fevereiro de 2015, com mandato previsto até 31 de janeiro de 2023. Foi eleito, por unanimidade, líder do Democratas no Senado.

Da entrevista à FOLHA DE GOYAZ à liderança da pesquisa Serpes, Ronaldo Caiado vivenciou quatro décadas de brilhante atuação no parlamento e caminha para enfrentar o desafio dos desafios de sua carreira emblemática.

MANOEL VANDERIC – jornalista

Da entrevista à FOLHA DE GOYAZ à liderança da pesquisa Serpes, Ronaldo Caiado vivenciou quatro décadas de brilhante atuação no parlamento e caminha para enfrentar o desafio dos desafios de sua carreira emblemática. ( Foto: Divulgação)

 

  • Fonte da informação:
  • Leia na fonte original da informação
  • Leave a Comment

    Protected by WP Anti Spam