Não é o Jovair Arantes?

Empresário registrou conversa com dois lobistas que pediram R$ 4 milhões por serviço

Junto à pasta, comandada pelo PTB. Propina em cheque, contrato de fachada, lobistas e gravações revelam um esquema de corrupção no Ministério do Trabalho, comandado pelo um partido aliado do governo Temer.

O lobista Silvio Assis: trânsito em ministérios e órgãos públicos .  Leia mais na edição semanal da Veja(Cristiano Mariz/VEJA)

Empresário registrou conversa com dois lobistas que pediram R$ 4 milhões por serviço

Mes de Vacinação - Prefeitura de Anápolis

O diálogo a seguir é uma pérola da roubalheira que ocorre em Brasília com uma frequência que nem a Operação Lava-Jato conseguiu evitar até agora.

A conversa foi gravada por um dos interlocutores, aconteceu no ano passado e mostra dois lobistas pedindo 4 milhões de reais a um empresário em troca de um serviço junto ao Ministério do Trabalho, que só será realizado porque, além da propina, quem manda no pedaço é o deputado Jovair Arantes, líder do PTB na Câmara e aliado do presidente Michel Temer.

Lobista 2: (…) A gente vai ter até que envolver o deputado Jovair…

Empresário: Não é o Jovair Arantes?

Lobista 2: É… O Jovair está junto com a gente, porque ele tem força e por ser do meu estado de Goiás.

Eles tinham feito um cálculo.

Eles tinham pedido 500 000 para pagar a parte técnica, para pagar as pessoas envolvidas lá e uma ponta para o Jovair. E 2,5 (milhões de reais) quando sair…

À exceção de um dos lobistas, que confirmou a cobrança e o pagamento de propina, todos os demais envolvidos no caso negam a existência de qualquer irregularidade.

Leia mais no link original da matéria ou na edição semanal da Veja :
https://veja.abril.com.br/revista-veja/o-novo-esquema-do-ptb/?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+noticiasveja+%28VEJA.com+%7C+Not%C3%ADcias%29

Capa da Veja desta semana ( Foto : Divulgação )
  • Fonte da informação:
  • Leia na fonte original da informação
  • Leave a Comment

    Protected by WP Anti Spam