Notícias / Anápolis

19 de maio e 1º de junho

6ª Mostra de Música Sons e Sabores do Cerrado

Demônios da Garoa, Lenine e Toni Garrido já estão confirmados na 6ª Mostra de Música Sons e Sabores do Cerrado, em Anápolis

“Governo Bolsonaro é deserto de ideias”
23 de março de 2019
Policial militar é denunciado por fazer vítima de João de Deus assinar depoimento
24 de março de 2019

Vai começar a Mostra de Música Sons e Sabores do Cerrado, que vai invadir Anápolis entre os dias 19 de maio e 1º de junho com muita gastronomia, intervenções artísticas e shows com nomes de peso como Lenine, Toni Garrido, Demônios da Garoa e Flor D’Já. Divulgação

Vai começar a Mostra de Música Sons e Sabores do Cerrado, que vai invadir Anápolis entre os dias 19 de maio e 1º de junho com muita gastronomia, intervenções artísticas e shows com nomes de peso como Lenine, Toni Garrido, Demônios da Garoa e Flor D’Já. Em sua 6ª edição, a Mostra é um convite à (re)descoberta de sons e sabores.

Os ingressos a preços acessíveis são limitados e estarão disponíveis para venda na unidade a partir do próximo dia 1º de abril.

Durante 16 dias, além das apresentações, serão realizadas no Sesc Anápolis oficinas formativas com profissionais renomados, além de apresentações musicais em vários estilos, tais como quarteto clássico de violinos, celo, saxofone, viola caipira, serenatas e orquestra em espaços como restaurantes populares, parques e cruzamentos da cidade, além de apresentações no calçadão do Sesc com artistas locais.

Para os românticos de plantão, uma das atrações fica por conta da realização de serenatas atendendo a pedidos – as pessoas poderão ligar em um telefone e pedir uma serenata na casa de alguém. Haverá sorteio dos pedidos feitos.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DE SHOWS
20/05 – Intervenções nas ruas e nos principais cruzamentos da cidade
20 e 21/05 – Realização de serenatas com a seguinte proposta: as pessoas vão ligar em um telefone a ser divulgado e vão pedir uma serenata na casa de alguém, haverá um sorteio dos pedidos feitos, iremos contratar um grupo para fazer três serenatas por dia.
22/05 – Toni Garrido (show gratuito) – Maria Teimosa
23/05 – Coro Sinfônico de Anápolis – Chá de Gyn – Nila Branco
24/05 – Flávio Robbie – Gabriel Nandes
25/05 – Sambaí – Seis Tá Bom – Nóys e Nóys – Acorde 7 – Breakdown – Lauro Almeida
26/05 – Flor D’Já – TNY – Pádua
27/05 – Alunos Violão e Canto do Sesc – Vinícius e Venâncio – Tom Cris
28/05 – Orquestra Lira de Prata – Cabras de Bigode
29/05 – Orquestra de Violeiros de Anápolis – Maria Eugênia
30/05 – Tributo aos Beatles – Banda Versário e Tributo ao Pink Floyd – Banda Cascavelvet
31/05 – Apresentação de Dança – Rafael e Lyllih – Demônios da Garoa
1º/06 – Lenine / show de abertura / Flávio Robbie

INGRESSOS
à vista ou parcelado no cartão de crédito em até 3X

Arquibancada
R$ 15 – trabalhador do comércio e meia-entrada / R$ 25 – comunidade
Mesas para seis pessoas (ingresso individual)
R$ 30 – trabalhador do comércio e meia-entrada / R$ 45 – comunidade
Ingressos limitados

INTERVENÇÕES MUSICAIS
20/5 – Intervenções nos principais cruzamentos da cidade e restaurantes populares. Um quarteto clássico formado por violinos, celo, saxofone e viola caipira fará apresentações em vários lugares.
20 e 21/05 – Realização de serenatas atendendo a pedidos – as pessoas vão ligar em um telefone e vão pedir uma serenata na casa de alguém, haverá um sorteio dos pedidos feitos, iremos contratar um grupo para fazer três serenatas por dia.

OFICINAS
Com vagas limitadas e gratuitas, as inscrições devem ser solicitadas pelo e-mail samera.almeida@sescgo.com.br a partir do dia 1º de abril. As oficinas serão realizadas durante os dias 18 e 19 de maio, no Sesc Anápolis. Já no dia 20, haverá Jam session com os professores e alunos. Confira a programação abaixo e garanta sua inscrição!

• Oficina – Além do Silêncio
Ministrante: Federico Puppi

Abrange a música como um todo, abordando os conceitos de percepção musical, improvisação, prática de conjunto, produção musical, evolução do instrumento e carreira no mundo da música.
Por meio de exercícios lúdicos, os participantes poderão explorar as várias formas de tocar juntos, improvisar e produzir uma música. Por meio de bate-papo com perguntas e respostas, serão esclarecidas as dúvidas sobre assuntos pertinentes à vida de um músico, como ensaios, gravações, shows, equipamentos, entre outros assuntos.
Instrumentos abordados: violoncelo, violino, viola, baixo acústico
Público-alvo: instrumentistas de cordas (violoncelo, violino, viola, baixo acústico), mas também aberta para sopros e pianistas.
Carga horária: 8 hs (divididas em 2 dias)

• Oficina – Baixo elétrico
Ministrante: Gastão Villeroy
Oficina de baixo elétrico, harmonia com ênfase na prática de conjunto e produção musical. O musico conta sua experiência com alguns dos maiores nomes da música brasileira e internacional, tocando, analisando, improvisando e arranjando canções e temas diversos, onde há espaço para discutir e esclarecer dúvidas e curiosidades acerca de shows, gravações, equipamentos, dentre outros assuntos relacionados.
Instrumentos abordados: baixo, bateria, guitarra/violão e piano
Público-alvo: a oficina está aberta a músicos, cantores, produtores e pessoas interessadas no assunto.

• Oficina – Da palma da mão à planta do pé
Ministrante: Marco Lobo
Mostrar aos participantes tudo que envolve a prática e o dia a dia de um músico. A percussão será trabalhada de forma lúdica, apresentando um pouco da cultura brasileira a partir de seus instrumentos percussivos e também como trabalhar em grupo.
Conteúdo: percepção musical, independência rítmica, improvisação, ritmos e cantos baianos e mineiros como capoeira, congo, moçambique e folia de reis.
Instrumentos abordados: caixa de folia, patangome, gunga, berimbau (tradicional e moderno), timbres percussivos e sonsexperimentais.
Público-alvo: interessados em percussão e na cultura popularbrasileira.
Carga horária: 8 hs (divididas em 2 dias)

• Workshop: Harmonia funcional
Ministrante: Pedro Braga e Luiz Chaffin
Conteúdo: percepção musical, independência rítmica, improvisação com cordas
Instrumentos que serão abordados: instrumentos como viola e violão popular
Público-alvo: interessados em percussão e na cultura popular brasileira
Carga horária: 8 hs (divididas em 2 dias)

• Workshop de voz cantada: O corpo como extensão da voz
Ministrante: Profa. Ms. Sabah Moraes
Temas abordados: O corpo como extensão da voz/ A participação do cérebro no processo vocal/ Como o cérebro participa da afinação
Público-alvo: cantores, atores, dubladores, artista em geral, professores de canto, fonoaudiólogos e demais interessados.
Carga horária: 8h

SERVIÇO
6ª Mostra de Música Sons e Sabores do Cerrado
Data: 19 de maio e 1º de junho
Local: Sesc Anápolis
Ingressos à venda a partir de 1º de abril

Link original da matéria:
http://www.goiasmais20.com.br/demonios-da-garoa-lenine-e-toni-garrido-ja-estao-confirmados-na-6a-mostra-de-musica-sons-e-sabores-do-cerrado-em-anapolis/

  • Fonte da informação:
  • Leia na fonte original da informação
  • 1 Comentário

    1. Thomas Richard Maba disse:

      Bom dia! Sempre é muito bom termos eventos culturais na cidade. A Mostra de Música Sons e Sabores do Cerrado é uma ótima iniciativa. Eu apoio! Porém seria necessário achar um espaço mais adequado para a Mostra. Talvez dentro do SESC. O local que foi montado na frente do SESC está causando um grande transtorno no trânsito. Aliás, todos os anos causa esse transtorno. Nos horários de pico, principalmente por volta das 13h, há engarrafamentos na Av. Pereira do Lago (sentido Anápolis City-SESC), na Bartolomeu de Gusmão, na Padre Castelli, na Jamel Cecílio, na Santos Dumont (sentido Santa Casa-SESC). Esse trajeto não é só utilizado por aqueles que moram nas proximidades do SESC, mas de muitas outras pessoas de bairros vizinhos.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Protected by WP Anti Spam