Departamento Nacional de Trânsito

Responsabilidade para salvar vidas é tema do Maio Amarelo

Campanha deste ano busca conscientizar condutores e pedestres sobre a responsabilidade de cada um por meio da empatia

Saneago agenda atendimento de Anápolis para Alexânia
30 de abril de 2021
Mulher morre após procedimento no bumbum em clínica clandestina de GO
3 de maio de 2021

Em Anápolis, no ano passado, os acidentes de trânsito cravaram um número cruel e triste: 135 mortes. Uma a cada dois dias e meio.   P.Contexto

Não são apenas números e estatísticas de acidentes de trânsito, mas histórias de pessoas que perderam a vida, muitas delas, precocemente, por imprudência e descaso de outras pessoas.

Em Anápolis, no ano passado, os acidentes de trânsito cravaram um número cruel e triste: 135 mortes. Uma a cada dois dias e meio.

Não é de hoje que o delegado Manoel Vanderic, titular da Delegacia de Investigação de Crimes de Trânsito, tem alertado sobre a violência no trânsito e as suas diversas implicações: as mortes, as sequelas, os prejuízos para a sociedade nos gastos com internações, tratamentos e por aí vai. Na, entretanto, repõe a vida da pessoa que teve a vida ceifada. Nada ocupa o vazio deixado num lar por uma pessoa que perdeu a vida de forma inesperada e brutal.

A campanha Maio Amarelo deste ano, que está sendo lançada pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) terá o tema:

 “No trânsito, sua responsabilidade salva vidas”.

O objetivo é ressaltar a importância de humanizar as estatísticas de vítimas de acidentes no trânsito por se tratar de vidas e não apenas de números, gerando conscientização sobre a segurança no trânsito.

“São valores e palavras de muito peso, que trazem para o condutor e para o pedestre essa importância de terem essas atitudes responsáveis para com o outro”, destacou o diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Frederico Carneiro.

A principal característica da campanha é a mobilização da sociedade nas ruas, vias e rodovias, mas devido à crise sanitária da Covid-19, o Maio Amarelo de 2021 continuará com o mesmo padrão do ano passado, promovendo ações digitais pelas redes sociais e sites para alcançar o objetivo de reduzir o número de vítimas no trânsito.

“Ainda que remotamente, vamos levar essa mensagem à sociedade, vamos conscientizar a população sobre a importância do cuidado na direção e cuidado com a vida”, ressaltou Frederico Carneiro.

Entre as ações previstas, está o incentivo pela utilização das passarelas, faixas elevadas e faixas de pedestres, assim como alertar os condutores sobre sinalizações e cuidados com os vulneráveis no trânsito (pedestres, motociclistas e ciclistas), dando destaque à responsabilidade de todos os atores sociais envolvidos.

Em Anápolis, a Companhia Municipal de Trânsito e Transporte (CMTT) já prepara o lançamento da campanha Maio Amarelo no Município, que será basicamente, também, uma campanha virtual devido à pandemia.

Maio Amarelo

O Maio Amarelo é um movimento internacional promovido para conscientizar a população sobre ações que reduzam o número de acidentes no trânsito. O objetivo da campanha é abordar e mobilizar a sociedade sobre segurança viária, envolvendo os órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada.

Os Estados, as prefeituras e suas Secretarias de Trânsito e Mobilidade, os DETRANs, DERs, Polícias e demais órgãos de fiscalização, bem como a imprensa, devem se empenhar no sentido de evitar a disseminação da pandemia do coronavírus, adotando ações digitais para evitar aglomerações e também ampliar o alcance das campanhas por meio das redes sociais. Para aquelas instituições que estão constantemente atuando nas vias, como a PRF, as Polícias Rodoviárias, entre outros, com seus Agentes de Trânsito e demais profissionais de campo espalhados por todo o Brasil, devem tomar todos os cuidados durante as abordagens, mas a mensagem de Paz deve ser transmitida, ainda que mantendo o distanciamento.

O Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN), irá coordenar essas ações, em parceria com o Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV) no âmbito do Acordo de Cooperação, além de contar com o envolvimento dos demais órgãos e entidades integrantes do Sistema Nacional de Trânsito (SNT) e demais interessados, que estão preocupados e empenhados em alertar, reforçar as campanhas educativas e as ações de fiscalização e sempre se engajam no movimento Maio Amarelo. (Com informações do Denatran)

By Claudius Brito

A campanha Maio Amarelo deste ano, que está sendo lançada pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) terá o tema: “No trânsito, sua responsabilidade salva vidas”.  P.Contexto

  • Fonte da informação:
  • Leia na fonte original da informação
  • Os comentários estão encerrados.