Totalmente descompensado e perigoso

Vídeo mostra quando ex-lutador de MMA é morto

Por policiais em abordagem, em Goiânia

ABL Prime participa do Multipropriedade Summit
1 de agosto de 2022
Incorporadora oferece vagas de emprego e estágio em Goiânia
5 de agosto de 2022

Registro mostra o momento em que o agente atira na vítima, que estava no chão, atrás do veículo.

Corporação afirmou que vai apurar as circunstâncias do fato.

 

Um vídeo mostra

quando um homem foi morto por policiais durante abordagem, em Goiânia. No registro, é possível ver o momento em que o agente atira na em José Carlos Alves Coimbra, de 49 anos, que estava no chão, atrás do veículo (veja acima). Segundo a Polícia Militar, o homem é ex-lutador de MMA.

 

O caso aconteceu

na terça-feira (2), no Setor Jardim América. A polícia ainda informou que a vítima é natural de Paragominas, no Pará.

Nesta quarta-feira (3), o g1 questionou a Polícia Militar sobre as motivações de os agentes terem atirado no homem, uma vez que ele se encontrava no chão no momento do tiro, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

 

No entanto,

inicialmente, na terça-feira, a Polícia Militar justificou ao g1 em nota que, durante a abordagem, apresentava um “comportamento incontrolável e violento” e que não obedeceu as ordens dos policiais.

A corporação justificou que, “para resguardar a própria vida e de terceiros”, os policiais atiraram duas vezes nele. A PM afirmou que vai apurar as circunstâncias do fato (veja a íntegra da nota ao fim do texto).

 

Nas imagens,

além do momento do tiro, também é possível ver que o momento em que o homem sobe na viatura, pula em cima dela e quebra o retrovisor do veículo. Nesse momento, os policiais apontam as armas para ele.

 

Ocorrência

Policiais do 6º Batalhão da Polícia Militar (BPM) foram acionados para a ocorrência. De acordo com um tenente da equipe, eles foram chamados com a informação de que um rapaz estaria deitado e lesionado no chão, e que ele teria agredido um homem e estragado o carro dele.

No local, a equipe foi informada de que, além do homem que teve o carro estragado, o suspeito teria agredido outra pessoa. O PM disse ainda que ele estava agressivo e chegou a subir e a pular na viatura durante a tentativa de abordagem.

“A equipe conseguiu visualizar o indivíduo que teria causado o dano no carro e lesionado outra pessoa. Ao visualizar o rapaz, ele estava extremamente agressivo e partiu para cima dos policias, que revidaram a injusta agressão e ele veio a óbito no local”, disse o PM.

 

Segundo a polícia,

foi instaurado um inquérito na Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH) para investigar o caso.

 

Veja a íntegra da nota da Polícia Militar

“A Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência em que um homem muito agressivo estaria atacando pessoas e causando danos em veículos.

A despeito da veiculação de que o homem já estaria amarrado por civis, esclarecemos que conforme relato dos policiais e imagens do fato, verifica-se que no momento da abordagem o agressor não estava amarrado, demostrando um comportamento incontrolável e violento, desconsiderando toda e qualquer ordem realizada pelos policiais na tentativa de controlar a situação.

Pode-se analisar nas imagens que o homem saltou sobre a viatura e ficou pulando, ato seguinte, foi em direção a um dos policiais no intuito de agredir o PM, momento este em que os policiais não tiveram outra opção e para resguardar a própria vida e de terceiros, efetuaram dois disparos no agressor.

De imediato foi solicitado o socorro médico, porém quando da chegada da equipe de salvamento foi constatado o óbito no local. A Polícia Militar de Goiás informa ainda, que será instaurado um Inquérito Policial Militar para apurar todas as circunstâncias do fato ocorrido”.

By: Gabriela Macêdo

  • Fonte da informação:
  • Leia na fonte original da informação
  • Os comentários estão encerrados.