Notícias : Anápolis

Reconhecimento importantíssimo

Roberto e Vivian Naves são inocentados pelo TRE-GO

Por unanimidade, o Tribunal considerou a ação do Ministério Público Eleitoral improcedente por falta de provas

PUBLICIDADE

A ação do Ministério Público Eleitoral que pedia a cassação do diploma da deputada estadual Vivian Naves (PP) e inelegibilidade dela e do prefeito Roberto Naves (Republicanos) pelo período de oito anos foi rejeitada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO) nesta terça-feira, 05.

A relatora Amélia Martins de Araújo, vice-presidente do Tribunal, entendeu que o MPE não apresentou provas suficientes do suposto abuso de poder político por parte de Roberto e Vivian e seu voto foi acompanhado pelo presidente, desembargador Itaney Francisco Campos, e demais juízes presentes. Por unanimidade, o TRE considerou a ação improcedente por falta de provas.

A alegação do Ministério Público Eleitoral é que houve abuso de poder político, por parte do casal, após denúncia feita no dia 19 de dezembro de 2022, com base no depoimento de duas testemunhas que atuaram como servidores da Prefeitura de Anápolis. Eles alegaram a utilização do programa Voluntários de Coração em prol da campanha da deputada estadual. Ainda apontaram coação por parte do prefeito para que atuassem no processo eleitoral da primeira-dama.

Entretanto, a defesa do casal apresentou relatos de outras seis testemunhas que também são servidores da Prefeitura, contrariando os denunciantes. As testemunhas de defesa negaram ter havido qualquer ato, orientação, coação ou ação para conquistar votos para Vivian Naves com o uso do programa e negaram a acusação de que houve coação por parte do prefeito Roberto Naves.

  • Fonte da informação:
  • Leia na fonte original da informação
  • Gildo Ribeiro

    Gildo Ribeiro é editor do Grupo 7 de Comunicação, liderado pelo Portal 7 Minutos, uma plataforma de notícias online.

    Artigos relacionados

    Botão Voltar ao topo