Para aumentar produção em Anápolis

Caoa Chery contrata 150 novos postos de trabalho

Essas novas vagas fazem parte de um grande plano que iniciamos em 2020 para a planta de Anápolis, que inclui um investimento de R$ 1,5 bilhão.

Radares e lombadas já funcionando e multando infratores
6 de fevereiro de 2021
Aras pede à Corregedoria do CNMP que investigue procuradores da Lava Jato de Curitiba.
11 de fevereiro de 2021

A planta de Anápolis é responsável, atualmente, pela produção de três SUVs do portfólio da Caoa Chery: Tiggo 5X, Tiggo 7 e Tiggo 8.

A Caoa Chery anunciou a criação de 150 novos postos de trabalho na fábrica de Anápolis (GO).

As contratações têm como objetivo acompanhar o crescimento de vendas da marca.

Entre os novos funcionários estão montadores de veículos, operadores de produção e auxiliares de logística, que já iniciaram suas atividades. O aumento do quadro de funcionários já estava previsto desde o ano passado.

“Essas novas vagas fazem parte de um grande plano que iniciamos em 2020 para a planta de Anápolis, que inclui um investimento de R$ 1,5 bilhão. Temos muito orgulho, como uma montadora 100% nacional, em seguir investindo no Brasil. Escolhemos acreditar no País e na sua capacidade de recuperação”,

afirma o chairman da Caoa, Carlos Alberto de Oliveira Andrade.
Com mais de 20 mil unidades comercializadas em 2020 e 1,03% de market share, a Caoa Chery manteve seu volume de vendas do ano anterior.

O carro mais vendido da marca no ano passado foi o Tiggo 5X.

Com 8.769 unidades comercializadas no período, o modelo ficou na 15ª colocação do ranking de utilitários esportivos da Fenabrave.

“A planta de Anápolis é responsável, atualmente, pela produção de três SUVs do portfólio da Caoa Chery: Tiggo 5X, Tiggo 7 e Tiggo 8. Também fabrica, sob licença, os Hyundai Tucson, ix35 e New Tucson, além dos caminhões HR e HD 80.”

Link original da matéria:
http://goiasemtempo.com.br/home/para-aumentar-producao-em-anapolis-caoa-chery-contrata-150/

Também fabrica, sob licença, os Hyundai Tucson, ix35 e New Tucson, além dos caminhões HR e HD 80.

  • Fonte da informação:
  • Leia na fonte original da informação
  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Protected by WP Anti Spam