é alvo de operação da PF em MT

Organização criminosa investigada por tráfico de drogas e lavagem de dinheiro

Polícia cumpre oito mandados de prisão preventiva e 29 de busca e apreensão, além do sequestro de diversos bens.

STF julga pedido de extinção de pena e indulto a Maluf
16 de maio de 2022
Dono de posto de combustível é alvo de operação da PF em Cuiabá por tráfico de drogas
16 de maio de 2022

Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão — Foto: Polícia Federal

A Polícia Federal deflagrou a operação ‘Jumbo’ nesta segunda-feira (16) para cumprir 37 mandados contra uma organização criminosa investigada por tráfico de drogas e lavagem de dinheiro em Cuiabá, Várzea Grande, região metropolitana da capital, Mirassol D `Oeste, Poconé e Pontes e Lacerda, no interior do estado.

 

São oito mandados de prisão

preventiva e 29 de busca e apreensão, além do sequestro de diversos bens. Todas as ordens judiciais foram expedidas pela 7ª Vara Criminal de Cuiabá.

De acordo com a Polícia Federal, os criminosos movimentaram cerca de R$ 350 milhões em um período de quatro anos.

Conforme as investigações,

a organização adquiria cocaína no município de Porto Esperidião, acondicionava em Mirassol D`Oeste, para, depois, distribuí-la em Cuiabá.

Além disso, segundo a PF, os traficantes utilizavam postos de combustíveis da capital para a lavagem de dinheiro decorrente do tráfico de drogas.

 

A polícia

informou ainda que, no decorrer da apuração do caso, com o apoio do setor de inteligência da Polícia Militar e do Grupo Especial de Fronteira (Gefron), também foi possível interceptar dois carregamentos de drogas, totalizando 210 quilos de cocaína apreendidos.

A PF disse que as investigações e buscas continuam, com especial atenção à prisão das lideranças e descapitalização de organizações criminosas.

Mais de 30 mandados são cumpridos nesta segunda-feira — Foto: Polícia Federal

  • Fonte da informação:
  • Leia na fonte original da informação
  • Os comentários estão encerrados.